Arquivo de 'principe george'



postado por Carolina Moreira e categorizado como Matérias
17.04.2019

Quando o Duque e a Duquesa de Cambridge e seus filhos se juntaram a seus primos para um dia de diversão no Burnham Horse Trials na sexta-feira, foi um vislumbre encantador e raro de suas vidas diárias. A família está passando o recesso de Páscoa em sua casa no campo, Anmer Hall, em Norfolk. “Eles estão apenas desfrutando de ser uma família e ter uma pausa merecida durante a Páscoa”, disse uma fonte próxima à família.

Em Burnham, não houve avistamento do Príncipe Luís, que fará um ano no dia 23 de abril, mas o Príncipe George e a Princesa Charlotte pareciam entusiasmados por explorar o campo com sua prima Mia Tindall. Tais fotografias são um tratamento raro para os fãs da realeza, mas os dias com seus primos reais são parte regular da vida das crianças, que estão desfrutando de uma infância extraordinariamente comum, de acordo com amigos da família.

Na época do nascimento de Charlotte, a família morava em Anmer Hall, embora agora vivam no Palácio de Kensington em tempo integral. Mas eles voltaram para passar o recesso de Páscoa em Norfolk, onde viagens para a praia e parques agrícolas locais fazem parte do itinerário. William e Kate adoram estar ao ar livre e, segundo os amigos, seus filhos passam a maior parte do tempo fora. “Eles têm um jardim murado com pomares de frutas e hortas, e George e Charlotte estão sempre do lado de fora ajudando a cavar ou plantar alguma coisa”, disse um amigo local da casa da família em Norfolk.

É provável que os Cambridges sejam gratos pelo tempo da família após uma turbulenta semana repleta rumores sem fundamento. Os advogados reais emitiram recentemente uma carta sem precedentes que avisou às publicações para não repetir uma reportagem publicada em uma revista dos EUA. O Palácio refutou a história, que os advogados afirmam ser “falsa e altamente prejudicial”, segundo The Daily Beast.

Suas vidas em Kensington parecem mostrar mais dessa normalidade. Prince George, de cinco anos, está mais do que na metade do primeiro ano do Thomas’s Battersea, uma escola no sul de Londres que custa 6.000 libras por semestre. É uma escola mista, que meninos e meninas frequentam, ao contrário das escolas que William e Prince Harry frequentaram quando crianças. Em setembro, Charlotte, que faz quatro anos no dia 2 de maio, se juntará a George no Thomas’s, onde os alunos têm aulas como esgrima, filosofia, jardinagem e cerâmica.

“George é muito feliz na escola, [e] seu apelido é P.G.”, diz o pai de um colega. “Ele é muito popular e tem muitos amigos, e há pouquíssima agitação sobre quem ele é. Ou William ou Kate levam-no para a aula, e eles são sempre muito amigáveis. William particularmente gosta de conversar com alguns dos outros pais [..]. Ele é muito conversado e amigável.”

O Príncipe fez muitos amigos no Thomas e gosta de brincar em festas. Ele é particularmente próximo de sua outra prima real que também é sua colega de classe, Maud Windsor, filha de lorde Freddie Windsor e Sophie Winkleman. Sem dúvida, quando a Princesa Charlotte se unir, será um grupo real.

Fonte: Vanity Fair

postado por Carolina Moreira e categorizado como Matérias
22.05.2017

O casamento do ano aconteceu no último sábado, dia 20, em Bucklebury, Inglaterra. A irmã da Duquesa de Cambridge, Pippa, casou-se com o bilionário James Matthews na pequena cidade onde cresceu. A cerimônia religiosa ocorreu ainda pela manhã na histórica St. Mark’s Church – a mesma igreja que Kate e William foram fotografados com os filhos na missa de natal ano passado.

A noiva chegou acompanhada pelo pai, Michael Middleton, usando um vestido de noiva de 40 mil libras de Giles Deacon, feito especialmente para ela, e uma tiara de Robinson Pelham. A aliança de casamento é avaliada em 200 mil libras. Segundo o Daily Mail, o casamento custou mais de 1 milhão de libras, mas graças a “generosos amigos”, a família Middleton não pagou a conta inteira sozinha.

A igreja estava enfeitada com flores escolhidas por Green Parlour, o mesmo florista do casamento de William e Kate. Já o buquê foi feito pelo florista Lavender Green.

A Duquesa de Cambridge optou por um look pastel, bem discreto para que não roubasse a cena no casamento. Assim como Pippa fez em seu casamento em 2011, Kate ajudou a preparar a irmã antes que ela entrasse na igreja, arrumando seu vestido, além de ajudar a coordernar as damas e pajens, grupo que seus filhos George e Charlotte fazim parte.

A recepção pela manhã ocorreu em Englefield House com direito a champanhe e 20 tipos diferentes de canapé, incluindo carpaccio com cogumelo, garras de lagosta fresca e lanças de aspargo com molho holandês – o mais britânico possível.  O ambiente estava descontraído e moderno, com os convidados tendo a oportunidade de comer enquanto se misturavam ao redor de uma mesa montada, servida por cozinheiros que cortavam grandes peças de presunto serrano. Houve também uma roda de parmesão, foie gras com torradas e geléia sauternes.

Michael Middleton, o pai da noiva, chegou a fazer um curto discurso durante o almoço, brincando ao dizer que agora ele havia perdido suas duas filhas, mas para bons homens. Uma fonte disse que estava muito claro o quanto ele estava orgulhoso de Pippa. Logo depois, houve um tradicional bolo de três camadas da doceira real Fiona Cairns ao som de uma banda de jazz. Fontes disseram que a Princesa Charlotte esteve um pouco inquieta durante o casamento, e Kate precisava estar sempre segurando-a.

Já a recepção que ocorreu na propriedade dos Middleton à noite, parece ter sido mais pomposa. Tudo ocorreu em um palácio de vidro que levou três dias para ser erguido. Os convidados começaram a chegar pelas 7 da noite, após terem reunido-se no Bucklebury Village Hall para estacionar seus carros e ter a oportunidade de trocar de roupa. Aos homens foram oferecidos camisas brancas frescas se quisessem mudar o look que estavam vestindo.  Já para entrar na festa, cada convidado precisou apresentar uma identificação com foto e uma senha senha especial, exclusiva e escolhida há três meses. Nem mesmo as lendas do tênis Federer e Tim Henman escaparam do processo. A namorada do Príncipe Harry, a atriz americana Meghan Markle também compareceu à festa, após Harry ter dirigido até Londres para buscá-la.

Pouco antes das 8, um Spitfire, avião de caça britânico usado durante a II Guerra, cruzou os céus de forma acrobática antes que os convidados fossem desfrutar do jantar que incluiu salmão defumado, cordeiro escocês e sorvete de uísque. Tudo acompanhado com 750 garrafas de Nyetimber 2010 Blanc de Noir Millington. Foi dito que a noiva optou para que os convidados se misturassem, de forma que os casais não tenham sentado-se juntos durante a festa. O noivo, seu irmão e o padrinho ainda fizeram discursos, e a festa durou até às 4 da manhã.

Veja as fotos do casamento em nossa galeria:

 

postado por Carolina Moreira e categorizado como Matérias
28.04.2017

 

Com Zara Tindall, prima do Príncipe William, sendo medalhista olímpica na modalidade de hipismo, e a Rainha ainda cavalgando aos 91 anos, é justo dizer que cavalos são uma grande paixão da Família Real britânica. No entanto, há um membro da monarquia que não foi visto demonstrando essa paixão.

A Duquesa de Cambridge, cujo marido e cunhado competem regularmente em partidas de pólo, é um dos poucos membros da realeza britânica que preferem assistir quando o assunto é cavalgar.

Enquanto ela está feliz comparecendo a eventos de corridas como Ascot, você dificilmente verá Kate subindo numa sela, e experts finalmente revelam por quê.

Embora tenha tido vários rumores de que a Duquesa é alérgica a cavalos, de acordo com Marcia Moody, autora de Kate: A Biography, o hobby simplesmente não está em seu sangue. “Kate não cavalga meramente porque ela não fez isso enquanto crescia”, contou a escritora a Town & Country. “William e Harry foram ensinados desde tenra idade, mas agora eles só cavalgam no pólo – eles não saem cavalgando como a Rainha”.

Enquanto a Duquesa não deve planejar ter aulas, foi divulgado que seus filhos já estão aprendendo. Em outubro do ano passado, Kate conversou com a medalhista de hipismo Natasha Baker em uma recepção no Palácio de Buckingham, e disse que a Princesa Charlotte poderia seguir os passos de sua tia Zara para as Olimpíadas. Relembrando a conversa, Natasha disse: “Perguntei a ela como seus filhos eram, e ela disse que Charlotte está realmente curtindo cavalgar, o que é ótimo de se ouvir, e eu disse que poderia encontrá-la daqui a 20 anos”.

O Príncipe George tem aulas desde os dois anos de idade, segundo uma fonte que disse: “William e Kate estavam entusiasmados para por George num cavalo assim que ele começasse a andar com confiança. Ele adorou sua primeira cavalgada – ele foi conduzido em um prado com uma rédea e gritou com prazer. William e Kate estavam lá assistindo.”

Fonte: Daily Mail

postado por Carolina Moreira e categorizado como Matérias
10.03.2017

A Rainha Elizabeth pode estar reinando no Reino Unido por mais de 65 anos, que parece estar afiada para governar – uma garotinha que atende por Princesa Charlotte.

Após a inauguração de um memorial de guerra na quinta-feira para honrar os que serviram no Iraque e Afeganistão, Kate esteve envolvida em uma conversa de mães com uma colega, trocando dicas e histórias sobre suas filhas.

Segundo a People, Samantha Burge, mãe de duas crianças, contou que a Princesss Charlotte é a chefe na casa dos Duques de Cambridge. “Ela disse que Charlotte está crescendo muito rápido. Ela é que está no comando”, disse Samantha sobre sua conversa com Kate. “Nós duas temos filhos de dois anos, e eles são os ‘reis da cocada preta’. Foi um pouco de conversa de mães.

“[A Duquesa disse] que eles estão se tornando ótimos amigos, George e Charlotte”, acrescentou Samantha.

Essa revelação sai logo após ter sido anunciado que o clã está mudando-se para Londres este ano, bem a tempo do Príncipe George começar a Wetherby School, uma escola pré-preparatória que os príncipes Charles, William e Harry frequentaram.

Ano passado, Kate deu uma pequena brecha de como é a vida em casa com os pequenos, revelando que qualquer tentativa de cozinhar com o Príncipe George costuma terminar em bagunça.

A revelação aconteceu no projeto Youthscape em Londres quando a Duquesa disse: “quando tento fazer [bolos] com George em casa, voa chocolate e xarope para todo o lado. Ele faz muita bagunça. É um caos.”

Fonte: Harper’s Bazaar

postado por Carolina Moreira e categorizado como Declarações, Eventos
11.01.2017

A Duquesa de Cambridge chegou há pouco em uma das unidades do Anna Freud Centre, uma das instituições dais quais é patrona, no norte da Inglaterra. Este é o primeiro evento oficial de Kate este ano, que completou 35 anos na última segunda-feira.

A mulher do Príncipe William levou sorrisos ao centro, que apoia crianças com menos de cinco anos com distúrbios mentais, bem como às suas famílias. Em conversa com um grupo de mães que também recebem apoio, Kate afirmou: “Com suas histórias e todas as experiências que viveram, ajudar suas crianças ultrapassando suas próprias ansiedades, é louvável…  Acho mesmo que é extraordinário o trabalho que se faz aqui. Dou-lhes os parabéns”.

Embora tenha o Príncipe William ao seu lado e conte com a ajuda da mãe e de uma babá, ser mãe de duas crianças não é uma tarefa fácil nem mesmo para Kate. Foi o que a Duquesa afirmou durante a visita: “a maternidade é difícil. Acabei de deixar um quarto com 5 [crianças] com menos de 6 anos”. Kate, no entanto, não esclareceu quem eram as outras pessoas além dos filhos.

Durante a visita, a Duquesa usou um vestido azul da grife Eponine avaliado em R$ 6.400.

Mais tarde ainda hoje, ela e o Príncipe William visitarão uma das unidades do Child Bereavement UK Centre em Stratford, Londres, marcando o primeiro ano da instituição.

 



 
Fontes: Mirror, Caras Portugal e Marie Claire Brasil